Segundo Edgar Shein, PhD em psicologia social pela Universidade de Harvard, as âncoras são os pilares que norteiam as decisões de carreira dos profissionais. Através de testes, conseguimos identificar a motivação cada profissional através do processo de autoconhecimento.

As características gerais de cada tipo de inclinação profissional são retratadas a seguir:

– Aptidão Técnica Funcional: indivíduos que são estimulados e motivados quando exercem alguma aptidão específica e tornam-se especialistas na função ou atividade.
– Aptidão Administrativa Geral: indivíduos com capacidade analítica, bom relacionamento interpessoal e intergrupal e equilíbrio emocional se encaixam nessa âncora.
– Autonomia e Independência: indivíduos que prezam, acima de qualquer coisa, a manutenção de sua liberdade, autonomia e independência.
– Segurança e Estabilidade: são indivíduos que orientam suas trajetórias profissionais priorizando a segurança financeira e sua estabilidade no vínculo empregatício.
– Criatividade Empreendedora: indivíduos que perseguem constantemente a criação de novos empreendimentos e persistem nesse ideal enquadram-se nesse tipo de âncora.
– Dedicação a uma Causa: estes indivíduos estão interessados na ajuda ao próximo e na construção de uma sociedade melhor.
– Desafio Puro: indivíduos pertencentes a essa categoria de âncora de carreira projetam suas vidas profissionais num sentido em que possam constantemente superar obstáculos
– Estilo de Vida: indivíduos que colocam como prioridade em suas profissões a integração do trabalho com suas necessidades individuais e familiares são os enquadrados nesta categoria.

E aí, interessante? A Conexão Talento através desta e outras ferramentas pode lhe auxiliar a dar um novo rumo profissional ou até mesmo na escolha de sua carreira.

Aguardamos você!

QUER RECEBER CONTEÚDO GRATUITO?
SE INSCREVA!