Compartilhe

People Analytics é um método de análise de dados aplicado à gestão de pessoas, com o objetivo de ter uma visão mais estratégica dos colaboradores na empresa.

Esse método modificará a maneira na qual as empresas contratam, promovem e interagem com seus colaboradores.

Isso constitui que os dados coletados, organizados e analisados por meio de softwares cruzando informações de várias fontes, serão utilizados cada vez mais por empresas que buscam avaliar essas informações de forma estratégica. Cujo o objetivo é melhorar a qualidade da tomada de decisão, sendo plausível reconhecer um colaborador que se destaca ou identificar problemas, como turnover alto, absenteísmo, baixa produtividade, pouco engajamento, insatisfação e outros.

É importante frisarmos que o People Analytics não serve para vigiar o colaborador, mas, sim, garantir que suas competências sejam utilizadas da melhor forma possível dentro da estratégia da empresa.

Os benefícios do People Analytics são inúmeros! Primeiramente, com uma contratação mais assertiva e apropriada para a estratégia da empresa, reduzindo o tempo de contratação e aumentando os índices de sucesso. Outro ponto é a retenção de talentos, pois preza pelo cuidado e bem-estar dos colaboradores e melhora a experiência deles. Aumento do engajamento, redução do absenteísmo e do turnover, reduzindo assim também os custos. Melhora os treinamentos, os tornando mais eficazes, melhorando os insights além disso. Decisões mais estratégicas mais seguras, maior eficiência e organização e controle dos processos. Ufaaa, falei que eram inúmeros, ainda tem mais.

Temos algumas dicas para você implantar o People Analytics!

  • Comece definindo os objetivos, identificando os problemas do negócio, colocando em ordem de prioridade e coletando dados relevantes.
  • Esses objetivos precisam ser metrificados e deve planejar ações e projetos que serão monitorados.
  • Realize um plano de ação.
  • Utilize ferramentas que estejam de acordo com o negócio e tamanho de sua empresa.
  • Estabeleça um cronograma de implantação possível e realista e faça projeções para o futuro.

Uma dica fundamental é envolver os colaboradores, comunicando de forma ampla a implantação do projeto e os motivando.

Portanto, o futuro é um RH mais estratégico e baseado em informações que possuem o poder e influenciam na tomada de decisões.